4 de novembro de 2013

356


Toda segunda, vou na veterinária. Perto do que cheguei a ir neste ano, diminuiu.

Acabei ficando meio frequente no local... Hoje a veterinária confidenciou: Está tratando um cachorro com 5 costelas quebradas. Foi levada pela vizinha do dono, imagina por quê? O dono espancava. E continuou: Como vou devolver ele pro dono? O que eu faço? Soltei um sonoro palavrão....

As visitas semanais tem me feito aprender...como a cena de um outro veterinário tentando explicar pra dona, que não tinha mais o que fazer...mas ele abana o rabinho...mas..e mas..e mas...a decisão nunca será dele, mas dela! Me vejo nesta cena, e sei que vai chegar...

Amenidades..comprei um livro pra descobrir meu grau de TDAH, TOC, TIMIDEZ, HIPERALERTA, DRAMÁTICO, NARCISISMO, BIPOLAR E ESQUIZOFRENIA. Segundo o tal livro, todos temos em menor ou maior grau tudo isto. O fato é que em bem poucas vezes é necessário algum tipo de medicação pra controlar. O Fato é que os laboratórios, médicos procurando alternativas mais rápidas etc... resolvem com remédios...quantidade desnecessária de gente que acaba só, ficando dependente destas porcarias.

A boa notícia é que segundo o teste, não sou seriamente enferma em nenhum destes casos. A notícia interessante é que fora TOC, tenho todos as outras maluquices em grau de 5 a 9. Passei com louvor em TDAH, classificada no livro como personalidade aventureira...

O interessante é que o autor/psiquiatra mostra como tirar proveito disto. O que me faz pensar que se você tiver um certo grau de inteligência e desprendimento, pode se dar bem..é lógico que pra isto, os problemas não podem causar transtornos absurdos...precisa ter um certo bom senso e autoconhecimento, pra entender o nível de interferência que isto causa na sua vida.

No meu caso, me faz pensar...as vezes muito...ler 3 livros ao mesmo tempo, escrever enquanto vejo tv e controlo a filharada. Daí, hoje não conheço ninguém que não faça isto...mas conheço gente que toma remédio pra não ficar triste...como se fosse doença. E pior, tem gente que foge de gente triste! Pra não pegar, porque além de doença, deve ser contagiosa. Sim, porque a cura, deve ser deixar a pessoa triste mais sozinha ainda!

E era só TPM.....
Seja sincero, quem já não viu esta cena?

Kkkkk!!! Desculpe, mas acho o mundo muito Cínico mesmo... 

Obs : O livro se chama  “Quem Disse Que é Bom Ser Normal” de Dale Archer




Postar um comentário